Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Discussão de filmes; a arte pela arte.

Moderators: mansildv, waltsouza

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2870
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by JoséMiguel » Sat Oct 18, 2014 7:04 pm

Boas, este tópico é para listagem e discussão de filmes (incluindo animação), que se enquadrem nestes conceitos "N-punk". Eu gosto imenso destes conceitos de ficção científica, baseados em possíveis versões alternativas da História.

Sei que muitos outros membros do fórum também gostam disto, mas se calhar ainda não tinham parado para enquadrar esses filmes "N-punk" que gostam, na categoria correspondente e a partir daí, tentarem descobrir se existem outros filmes semelhantes...

Alguns exemplos aqui do fórum:

Obviamente o Blade Runner, quase todos conhecem, e é famoso por ser do tipo Cyberpunk, mas o género é o policial e o "film neo-noir" (é assim que se escreve?), que nem todos gostam. Existem outros filmes do tipo Cyberpunk com outros géneros... Que exemplos conhecem?

Foi-me sugerido aqui no fórum um filme de animação japonês do tipo Steampunk, chamado "Howl's Moving Castle", penso que terá sido o Cabeças a dar a sugestão. Pessoalmente não gostei muito do filme, mas valeu a pena eu tê-lo visto exactamente pela estética e conceito do Steampunk.

Existe o tipo Dieselpunk, com o exemplo flagrante mediático do "Sky Captain and the Wold of Tomorrow" (ou algo assim parecido), em que me lembro do bombardeamento do marketing publicitário na televisão, mas eu sempre recusei ver o filme por suspeitar que seja uma história com fórmula cliché e imbecil, para adolescente ver. Mas lá está, este é um filme mediático de Hollywood, e por isso muita gente do fórum já o viu, e poderá dar-me um lamiré (confirmar se tem ou não a fórmula repetitiva cliché), se me disserem que o filme é bom, eu vejo-o.

Basicamente a ideia do tópico é que as pessoas se tentem lembrar dos exemplos que conhecem, seja ou não um filme de animação. E neste caso o filme até pode ser terrível, mas o pessoal gostar de ver pela estética, atmosfera e conceito.

Vou colocar uma pequena lista provisória dos principais estilos de "N-Punk", por ordem cronológica (posso mais tarde editar esta mensagem para completar melhor a descrição e conceito):

Clockpunk

Image

Image

Este conceito é bastante simples de explicar, basicamente é a onda dos engenhos do Leonardo da Vinci e da antiguidade greco-romana, levadas ao seu máximo potencial, antes da invenção da máquina a vapor (revolução industrial). Máquinas voadoras, tanques de guerra, dispositivos de cálculo e computação, movidos a partir de molas, roldanas, engrenagens, rodas dentadas, sistemas hidráulicos com óleo ou água, e afins.

A partir desta premissa, para ser clockpunk, é preciso que seja também ficção científica / realidade alternativa, por exemplo os norte-americanos durante a guerra civil, usaram um submarino a manivela, um engenho insólito que parece saído da prancheta do Leonardo da Vinci, mas esse submarino existiu mesmo na nossa linha do tempo, e por isso não se trata de clockpunk nem ficção científica.


Steampunk

O Steampunk é simples de definir, começa com a invenção da máquina a vapor e termina antes da invenção do motor de combustão interna.

Um exemplo conhecido é este filme:

Image


Dieselpunk

Image

Este estilo já é um pouco mais complexo, um dos exemplos no cinema é o Dark City. O Dieselpunk já tem direito a um artigo completo no wikipédia:

https://en.wikipedia.org/wiki/Dieselpunk

É lá mencionado que os filmes do tipo Dieselpunk são inspirados na estética do filme inglês de 1936 "Things to Come", um filme muito estranho, mas de que gostei e qualquer dia sou capaz de criar um tópico acerca dele.

Image

Vou tentar completar esta lista noutro dia (vou ter mesmo de editar este cabeçalho mais tarde), por agora estou cansado e fico-me por aqui, mas deixo o artigo principal do wikipédia "Cyberpunk e seus derivativos":

https://en.wikipedia.org/wiki/Cyberpunk_derivatives

Entretanto respondam e indiquem que filmes conhecem dentro de cada tipo, e façam os comentários que entenderem. :-)

paupau
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 3270
Joined: Fri Jan 07, 2005 6:13 pm

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by paupau » Sat Oct 18, 2014 7:26 pm

Em primeiro lugar da uma hipotese ao Sky Captain que e uma boa surpresa. O filme ate e low budget, disfarca e bem a falta de meios. Ja nao vejo ha uns anos valentes e vale so pela mistura de film noir com steampunk.
A animacao japonesa sera o melhor lugar para estas tematicas.
No steampunk tens o steamboy ( do mesmo realizador do seminal Akira) e esses deves adorar, passa-se numa Londres vitoriana alternativa cheia de zepellins e toda a especie de maquinas a vapor. A animacao e topo de gama.
No cyberpunk alem do Akira, tens o ghost im the shell e os Appleseed e o Metropolis.
E se aceitares os mecha ( estilo o pacific rim) a lista e quase infidavel.
Tambem tens o coreano Natural City.
CC - 174 MoC - 73 BFI - 21

Evil_Djinn
Fanático
Fanático
Posts: 598
Joined: Tue Nov 28, 2006 1:40 pm

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by Evil_Djinn » Sat Oct 18, 2014 7:54 pm

Bom tópico, leia-se excelente.

Essa questão dos múltiplos "PUNK" é curiosa porque eu e se calhar muitos, provavelmente colocávamos tudo no mesmo saco "Cyberpunk" ou "Steampunk".
Clockpunk e Dielselpunk penso que seja a 1ª vez estou a ver o termo.

De qualquer modo estes universos são difíceis de classificar, por exemplo este filme:


Image


É classificado como "Cyberpunk" mas é simultaneamente outras coisas, como ficção cientifica ou mesmo de acção futurista.
O meu ponto é que quem não esteja familiarizado com a verdadeira acepção dos termos "Punk" por vezes pode tornar-se confuso.

No campo do "Steampunk" descobri agora numas pesquisas este filme Checo:

Image

Em Inglês é conhecido por "The Fabulous World of Jules Verne" e em Portugal foi lhe dado o nome, "A Invenção Diabólica"

Tenho de ver isto.

Obrigado pelo tópico que é muito interessante de facto, pelo menos para mim.

Cumprimentos

No Angel
Especialista
Especialista
Posts: 1571
Joined: Mon Apr 02, 2012 9:58 pm

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by No Angel » Sat Oct 18, 2014 8:04 pm

Eu nao conheço este genero :oops:

Pra mim o Blade Runner e um neo noir/distopia, e o Howls Moving Castle e um anime de fantasia, pra mim e isso...

Salgueiro
Fanático
Fanático
Posts: 811
Joined: Fri Nov 24, 2006 10:47 pm
Location: Porto

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by Salgueiro » Sat Oct 18, 2014 9:52 pm

Ficam aqui mais dois:

- Tetsuo (http://www.imdb.com/title/tt0096251/reference)

- Tetsuo 2: Body Hammer (http://www.imdb.com/title/tt0105569/reference)

Dois filmes de culto cyberpunk Japoneses do realizador Shinya Tsukamoto.
Cinema Asia - A minha página Facebook sobre cinema asiático.
Image

Lorde X
Especialista
Especialista
Posts: 1843
Joined: Fri Sep 19, 2003 1:27 pm
Location: The Dark Side of the Moon

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by Lorde X » Mon Oct 20, 2014 10:30 am

Boas José Miguel! Aprendo sempre muito ao ler os teus tópicos e este não é excepção. Não fazia ideia dessa distinção entre termos nem conhecia muitos deles, mas adorei ler e aprender.
Agora gostava de descobrir mais filmes nessa linha, pois gosto imenso desses conceitos que, fora o Cyberpunk, julgo se inserirão numa retro Sci-Fi.

Gosto imenso do Steamboy, mas não sabia que era Steampunk. Aliás nem conhecia este termo.

Então aquela série de animação da qual eu tanto gosto, as Misteriosas Cidades do Ouro e as suas fabulosas máquinas, será classificada como Clockpunk, não? As máquinas movem-se a energia solar, mas esta dá início a uma mecânica composta pelas tais engrenagens, rodas dentadas, sistemas hidráulicos, etc... O que te parece?
Image

Walking on the sun since 1971

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2870
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by JoséMiguel » Mon Oct 20, 2014 3:42 pm

Agradeço os comentários de todos, eu estava com receio de criar este tópico por achar que ninguém se iria interessar. :-(

Ainda tenho de completar (editar) a lista e descição no cabeçalho. Eu neste momento não entendo bem o que é o Cyberpunk, tenho de investigar isso melhor, mas entre o Dieselpunk e o Cyberpunk, existe o Atompunk, que ainda não referi e me deixa com água na boca... :p

Fiquei mais motivado após os vossos comentários bastante positivos e irei comentar algumas coisas.

paupau:

Irei ver o Sky Captain

Evil_Djinn:

Esse filme de leste é do realizador Karel Zeman, eu tinha colocado a versão ocidental do documentário sobre ele preparada pela BBC (narração em inglês) no meu tópico do cinema de leste no ano passado, mas o video foi removido do You Tube. :-(

Nunca vi o filme que referes, mas encontrei um documentário recente de 5 minutos, com legendas em inglês, sobre esse filme. Vale a pena todos verem:
A ficção científica do Júlio Verne foi escrita depois da revolução industrial (invenção/massificação da máquina a vapor) e antes da invenção do motor de combustão interna. Parece ser claramente Steampunk.
No Angel wrote:Eu nao conheço este genero :oops:

Pra mim o Blade Runner e um neo noir/distopia, e o Howls Moving Castle e um anime de fantasia, pra mim e isso...
No Angel:

Em relação ao Blade Runner, também estou um pouco confuso. Quanto ao Howls Moving Castle, infelizmente para mim é um filme de fantasia/magia e muito infantil, apesar de tecnicamente ser excelente, mas apesar do género não se enquadrar nos meus gosto pessoais, gostei de ver aquela enorme cidade europeia com máquinas voadoras, que deu imenso trabalho a conceber e criar, bem como o conceito de "Carpet Bombing" de cidades europeias por máquinas voadoras nos sécs. XVIII ou XIX.

Este tópico serve para entender melhor as opiniões e gostos dos outros, em certos filmes, e depois de responder aos vossos comentários, vou deixar um exemplo de um filme Clockpunk europeu de 1994 muito obscuro, que à partida não interessa a ninguém do fórum, mas à luz deste tema podem ficar com água na boca e vontade de o ver. :-D

Mas este conceito do "N-Punk" é muito mais do que o visual,estética e tecnologia... Ele lida também com realidades alternativas a nível social e político, e aqui entramos no campo filosófico. :-)))

O Flemming descobriu a penicilina por acaso no meio do bolor, isso foi altamente improvável de acontecer, e eu teria morrido com uma amigdalite se vivesse numa qualquer das outras milhões de realidades alternativas sem a descoberta acidental da penicilina. Muito semelhante é a descoberta altamente anormal do transístor, que não deveria ter acontecido ainda, e muito menos existirem CPU's, computadores pessoais e fóruns acerca de cinema numa tal de "internet".

Nos 2 exemplos acima tivemos sorte, mas o grande azar foi a Idade das Trevas, que foi um acontecimento improvável. Talvez noutra História alternativa, se a ciência não tivesse sido perseguida, os romanos teriam desembarcado astronautas em Marte no séc. XII. yes-)

Lorde X:

Eu adorava as Misteriosas Cidade de Ouro, quando era criança. salut-) Para quem não está familiarizado, trata-se de uma série de animação infantil feita em co-produção entre a França e o Japão, no ano de 1982. A série é acerca dos descobrimentos, do ponto de vista espanhol, e envolve uma crianças que encontram dispositivos e veículos extraterrestres nas selvas da América do Sul, nomeadamente uma aero-nave em forma de condor, movida a energia solar.

Eu não acho que isto seja Clockpunk ou nada do género, penso que seja apenas ficção científica convencional, em que um grupo de humanos encontra tecnologia extraterreste abandonada na Terra.

Mas deixo o video com a intro, que vale a pena todos verem. Está muito bem feita e apesar de ser uma série infantil, um adulto irá valorizar a qualidade disti:
Só deixei o Salgueiro de fora...

Salgueiro:

Vou tentar escrever um texto sobre um filme de animação japonês, do estilo antologia com 3 histórias de sci-fi. A 1ª é acerca de um astronauta chamado Miguel e duma cantora lírica europeia, ao som de Maria Callas, e a 3ª história é puro Steampunk em que duas nações europeias estão trancadas em eterna guerra, com tecnologia militar dos anos 1920-1930, pode ser que gostes (se ainda não conheceres).


Para terminar deixo um vídeo de um filme europeu de 1994, chamado "Taxandria", que se enquadra no estilo Clockpunk. O filme é infantil, mas fica bem referi-lo neste tópico:

Salgueiro
Fanático
Fanático
Posts: 811
Joined: Fri Nov 24, 2006 10:47 pm
Location: Porto

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by Salgueiro » Mon Oct 20, 2014 9:37 pm

JoséMiguel wrote: Salgueiro:

Vou tentar escrever um texto sobre um filme de animação japonês, do estilo antologia com 3 histórias de sci-fi. A 1ª é acerca de um astronauta chamado Miguel e duma cantora lírica europeia, ao som de Maria Callas, e a 3ª história é puro Steampunk em que duas nações europeias estão trancadas em eterna guerra, com tecnologia militar dos anos 1920-1930, pode ser que gostes (se ainda não conheceres).
Penso que estás a falar do "Memories"? Já vi e gostei muito. Fico à espera da crítica. Gosto muito de ler o que escreves. :-D
Cinema Asia - A minha página Facebook sobre cinema asiático.
Image

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2870
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by JoséMiguel » Fri Oct 24, 2014 10:06 am

The Clockwork Heart (2013)

Este coração a corda é o episódio piloto de uma série de antologia, financiada por "crowd funding". A série pretende ser uma espécie de "Twilight Zone" num universo steampunk.

Este episódio é gratuito e pode ser visto no You Tube (versão oficial). Eu achei-o excelente e julgo que se enquadra no sub-género clockpunk.

Antes de colocar a versão completa, deixo o teaser e o excerto da sequência das silhuetas.

Teaser:



Excerto muito bonito:



Versão completa:
Site oficial: http://theworldofsteam.com

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2870
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by JoséMiguel » Fri Oct 24, 2014 2:57 pm

Esta semana revi o "Things to Come" de 1936, e estou muito decidido a escrever uma crítica, que irá dar trabalho, pois falta criar uns excertos e screenshots. Vontade não me falta e irei incluir uma análise técnica/científica feita por mim no séc. XXI, porque sou "um gajo de ciências", e o filme tem lá um helicóptero de aspecto moderno, que ainda não tinha sido inventado na produção do filme (1933-1936) bem como o ecrã LCD OLED transparente, lançado no ano 2010. Podem crer que já andei pelo wikipédia a ler acerca dos primeiros protótipos do helicóptero, desenvolvido pelos espanhóis, alemães, russos, etc. :badgrin: :o Além dos "gadgets", o filme possui conceitos científicos, filosóficos e políticos, que são difíceis de analisar...

Mas adiante... Eu estava à procura de videos sobre este filme (para evitar ter de os criar), e encontrei uma montagem num site chamado "Dieselpunks". Não irei utilizar este video na minha eventual crítica do filme, e por isso vou colocá-lo aqui sob o tema da "inspiração do Dieselpunk":



Fonte: http://www.dieselpunks.org/

User avatar
hsintra
Entusiasta
Entusiasta
Posts: 446
Joined: Tue Nov 15, 2005 6:12 pm
Location: Nazaré, Portugal

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by hsintra » Thu Oct 30, 2014 5:27 pm

Na onda do Cyberpunk, um género que gosto bastante, há a leitura obrigatória dos livros de William Gibson, nomeadamente o "Neuromancer", onde pela primeira vez é mencionado o termo internet como hoje o conhecemos.

Há anos que está prevista uma adaptação cinematográfica desta obra literária (o Johnny Mnemonic ainda se aproxima), penso que estará para muito em breve...apesar de ter um bocado de receio, espero que não estraguem em demasia o livro (como fizeram um bocado com o Ender's Game, e principalmente com o Battlefield Earth...livro excelente, filme de caca).

Pena haver ainda poucos filmes (sem ser anime, onde o universo Cyperpunk é bastante rico) desta temática.
Lembro-me de repente de outro, para além do Johnny Mnemonic, o Cypher.

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2870
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by JoséMiguel » Sat Jan 03, 2015 11:20 pm

Descobri vídeos históricos de um "hover-train" experimental francês, cuja existência desconhecia e vou partilhar aqui como exemplo da estética e tecnologia Diesel Punk:



E do mesmo inventor Jean Bertin, temos retro-futurismo, que parece saído da série "Espaço 1999":



Os temas "punk" lidam com realidades alternativas em que este tipo de tecnologias e estéticas não foram abandonadas.

Adorei estes dois videos. :-D

Thanatos
Especialista
Especialista
Posts: 1870
Joined: Fri Nov 09, 2001 11:54 pm
Location: Portugal

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by Thanatos » Sun Jan 04, 2015 2:08 pm

E temos o electropunk de The Prestige do Nolan.

Sabiam que há uma antologia 100% nacional dedicada ao electropunk? Intitula-se Lisboa no ano 2000 e foi organizada por João Barreiros o decano da fc portuguesa.

Gaspar Garção
Especialista
Especialista
Posts: 1054
Joined: Sun Jan 17, 2010 1:30 pm
Location: Portalegre

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by Gaspar Garção » Sun Jan 04, 2015 8:32 pm

Não me tinha apercebido deste belo tópico (também, com tanta "riqueza" de tópicos, é normal que se percam alguns no caminho...). :)

Adoro o tema, uma extensão do meu amor pela FC escrita, e é por isso que conheço muita coisa desta "onda", e embora saiba que livros de referência é o que não falta (este deve ser dos mais giros, li uma crítica a ele numa revista que assino de Ficção Científica, a SFX: http://www.amazon.com/Steampunk-Revised ... 1565237854), eu tenho aqui um pequenino da Pocket Essentials, que é uma pérola, e onde aprendi muita coisa (http://www.amazon.com/Cyberpunk-Pocket- ... 1903047285).

Além do grande William Gibson, que têm um novo livro, The Pheriperal, um regresso à FC mais especulativa, destaco o Neal Stephenson, que tem livros fabulosos, como o The Diamond Age e o Snow Crash, publicado na Presença como Samurai: Nome de Código.

Destaco só mais alguns saídos em português, que o Cabeças e o Lorde X de certeza conhecem, a coletânea organizada pelo Bruce Sterling, na Argonauta, Reflexos do Futuro/Mirrorshades, a biblía do género (ele tem ainda uma colaboração com o Gibson, The Difference Engine, que é talvez o melhor livro cyberpunk escrito), e um dos meus favoritos, Metrofago, do Richard Kadrey.

Da saudosa colecção Caminho Azul destaco o brilhante Andando vêm a Cidade, do John Shirley.

Para terminar, como curiosidade, refiro um livro da Argonauta que li e reli na minha juventude, só muitos anos depois descobrindo que foi escrito por um dos especialistas em História do Cinema, principalmente cinema de Terror, que muitas vezes aparece em dvds nos extras a falar de certos filmes, o crítico David J. Skal (http://en.wikipedia.org/wiki/David_J._Skal), o livro chama-se Anticorpos e é muito interessante.

Não vos vou maçar mais num domingo falando do que já se mencionou aqui, mas assim de cabeça, está a faltar uma referência maior ao brilhante Dark City/Cidade Misteriosa (o meu director's cut chega esta semana, estou ansioso para o ver!), um filme que revi há pouco tempo para um trabalho, e que me continua a assombrar.

Um filme que penso que não foi ainda mencionado, e que se tornou de culto, embora tenha sido mal recebido na estreia é o Strange Days/Estranhos Prazeres, da Kathryn Bigelow, com argumento do James Cameron, embora seja só inspirado no Gibson, é talvez o filme que melhor capta o universo dele: http://www.imdb.com/title/tt0114558/

O Brazil acho que também ainda não foi mencionado, é a par do Dark City um dos melhores de sempre deste género (e não esquecer o grande Tron!).

Outro filme indispensável (e muito complexo), é o Avalon, do realizador do brilhante Ghost in the Shell, filmado com atores reais na Polónia, é uma obra-prima (http://www.imdb.com/title/tt0267287/).

Dos exemplos mais recentes, o The Machine, filme de baixo orçamento, "inspirado" no Blade Runner, ainda assim é um filme de qualidade, que se aguenta bem: http://www.imdb.com/title/tt2317225/?ref_=fn_al_tt_4

O Código 46, de um realizador muito irregular e diversificado, o Michael Winterbottom é, a par do Gattaca, o melhor que vi em termos de especulação sobre o futuro próximo e os novos gadgets e tecnologias, com uma história muito humana: http://www.imdb.com/title/tt0345061/

O novo Dredd também é excelente, pena que a sequela não deva avançar...

O Renaissance, um filme francês de animação, com o Daniel Craig e a Rachel Weisz também é muito interessante, com uma história e uma animação fabulosas (http://www.imdb.com/title/tt0386741/).

O recente Franklyn, embora seja um pouco desequilibrado, também aconselho: http://www.imdb.com/title/tt0893402/?ref_=nv_sr_1

Filme independente e de culto que aconselho, é o Mirrormask, com argumento do Neil Gaiman e realização do Dave McKean, o grande ilustrador, visualmente é soberbo: http://www.imdb.com/title/tt0366780/?ref_=nv_sr_1

O New Rose Hotel, a outra adaptação que existe do Gibson (a par do já mencionado Johnny Mnemonic), é também outra adaptação falhada do mestre, o Ferrara espalhou-se, com grandes atores e uma conto fabuloso, num filme muito tortuoso e existencial.

Este filme, O 13º Andar, é uma adaptação de um livro muito conhecido de FC, Simulacron-3, do Daniel F. Galouye, que foi adaptado para tv pelo Fassbinder nos anos 70 (O Mundo no Arame), em termos de realidades virtuais/digitais é dos melhores, um excelente esforço: http://www.imdb.com/title/tt0139809/

O Nirvana, do realizador do Mediterrâneo, que comprei há meses ao Lorde X é um filme "guilty pleasure" para mim, uma boa tentativa de sintetizar o género, sem receio de cometer o erro dos argumentos americanos, muito previsíveis.

O excelente Vidocq, do Pitof, é outro filme europeu muito interessante, talvez o melhor exemplo de Steampunk que conheço, e embora o recente filme da Adéle Blanc-Sec não chegue aos calcanhares dos livros, penso que vale também a pena ver, nem que seja pela deliciosa atriz principal, a Louise Bourgnon, ou lá como ela se chama (quem quer saber, com aquela figura?). :)

Do colaborar do Pitof em muitos filmes, destaco não o clássico Delicatessen, mas sim A Cidade das crianças Perdidas, uma obra-prima de um grande realizador, o Jean-Pierre Jeunet.

Filmes de estética cyberpunk da onda biopunk, como se costumam designar, de que os Tetsuos (não sou muito fã), talvez sejam os exemplos mais conhecidos, quero destacar dois: o brilhante Existenz, talvez o meu favorito do Cronenberg (sem esquecer a obra-prima que é o Videodrome!), e o recente Antiviral, do filho dele, uma obra-prima que é surpreendente, porque embora fazendo lembrar o pai, têm uma identidade própria, um argumento e uma segurança de admirar (até tremo de pensar o que o neto do Cronenberg irá realizar!): http://www.imdb.com/title/tt2099556/?ref_=nv_sr_1

A evitar: A Liga dos Cavalheiros Extraordinários (leiam antes os livros!), e o execrável Van Helsing.

O Jonah Hex e o Iron Sky ainda não vi, mas parecem ser fraquitos, pelas críticas que li.

Filmes que não aquecem nem arrefecem: Sucker Punch (belas atrizes, mas o filme mais fraquito do Snyder), Os irmãos Grimm (o Gilliam ainda tem pior...), A Bússola Dourada (o filme é razoável, mas os livros são fabulosos!), Stardust (boa adaptação, mas mais uma vez, o livro é muito melhor), o recente City of Ember (ainda assim, melhor do que estava à espera), o Immortel (os livros são, mais uma vez, fora de série, mas ainda assim, é um bom esforço do Enki Bilal)...

Das séries, destaco a Wild Palms, super embrulhada e por vezes confusa e esotérica, mas uma série essencial, e que marca um certo estilo de escrita e de design dos anos 90: http://www.imdb.com/title/tt0106175/?ref_=nv_sr_1

A recente Black Mirror é uma espécie de Twilight Zone com bolinha, tem uns argumentos por vezes provocadores em excessivo, mas é muito corajosa e original, recomendo vivamente (ainda ontem vi o especial de Natal, que posso caraterizar como Cyberpunk Sádico): http://www.imdb.com/title/tt2085059/?ref_=fn_al_tt_1

Se alguém ainda aqui está (duvido!), só uma palavra final: vejam tudo do MYIAZAKI, mesmo os filmes mais fantasiosos e "japoneses", é inigualável (os únicos que chegam aos calcanhares dele no Anime são o Mamoru Oshii, do Ghost in the Shell e do Avalon, e o recém falecido Satoshi Kon, que tem filmes admiráveis, entre esses o Paprika, um filme de loucos: http://www.imdb.com/title/tt0851578/)!

Assim de repente, é só o que me lembro... :)
Last edited by Gaspar Garção on Sun Jan 04, 2015 9:15 pm, edited 1 time in total.
Na baliza Jackson, defesa com Scorsese, Coppola, Spielberg e Eastwood. No meio campo, Ridley Scott, Wes Anderson, Pollack e Carpenter. Avançados, Woody, e solto nas alas Tarkovsky. Suplentes: Bunuel, Fellini, Kurosawa, Visconti, Antonioni, Lynch e Burton.

paupau
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 3270
Joined: Fri Jan 07, 2005 6:13 pm

Re: Clockpunk, Steampunk, Dieselpunk, Cyberpunk, etc.

Post by paupau » Sun Jan 04, 2015 8:44 pm

Eu tenho esse Lisboa no Ano 2000. Sao contos de diversos autores, o que acaba por ter alguns mais desiguais. No geral e um bom livro, e quem for fa nao deve ficar desiludido.
A cena steam em Portugal esta bem viva, ha o grupo Clockwork Portugal que organiza convencoes, ha autores como o Anton Stark e antologias como a Mundos Divergentes. E um bocado apenas fan fiction e fanzines, mas ha.
CC - 174 MoC - 73 BFI - 21

Post Reply