Bruno Ganz (1941-2019)

Todos os assuntos relativos ao home cinema que não se enquadrem nos restantes fóruns.
Responder
Avatar do Utilizador
Cabeças
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Mensagens: 6604
Registado: dezembro 26, 2000, 9:58 pm
Localização: Portugal

Bruno Ganz (1941-2019)

Mensagem por Cabeças » fevereiro 16, 2019, 1:19 pm

Fiquei bastante triste com a notícia o-(

https://www.publico.pt/2019/02/16/cultu ... s.RBQ6ivXC

Espero que ele tenha ganho novamente as Asas. salut-)

Imagem
Cabeças
Imagem

mansildv
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Mensagens: 9617
Registado: fevereiro 25, 2014, 6:30 pm

Re: Bruno Ganz (1941-2019)

Mensagem por mansildv » fevereiro 21, 2019, 10:08 am

Mais uma perda enorme! o-( Além do óbvio Wings of Desire, gostei de o ver no Pane e Tulipani salut-)

RMI
Especialista
Especialista
Mensagens: 1560
Registado: dezembro 5, 2001, 1:04 pm
Localização: Portugal (mostly...)

Re: Bruno Ganz (1941-2019)

Mensagem por RMI » fevereiro 21, 2019, 1:33 pm

mansildv Escreveu:
fevereiro 21, 2019, 10:08 am
Mais uma perda enorme! o-( Além do óbvio Wings of Desire, gostei de o ver no Pane e Tulipani salut-)
... E no "Der Untergang" (que gerou uma série dos memes mais populares de sempre!).
And now for something completely different...

mansildv
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Mensagens: 9617
Registado: fevereiro 25, 2014, 6:30 pm

Re: Bruno Ganz (1941-2019)

Mensagem por mansildv » fevereiro 21, 2019, 7:17 pm

RMI Escreveu:
fevereiro 21, 2019, 1:33 pm
mansildv Escreveu:
fevereiro 21, 2019, 10:08 am
Mais uma perda enorme! o-( Além do óbvio Wings of Desire, gostei de o ver no Pane e Tulipani salut-)
... E no "Der Untergang" (que gerou uma série dos memes mais populares de sempre!).
Esse ainda não vi e tenho noção que é uma falha gigantesca :oops: :oops:

José
Entusiasta
Entusiasta
Mensagens: 316
Registado: outubro 8, 2016, 9:09 pm

Re: Bruno Ganz (1941-2019)

Mensagem por José » fevereiro 21, 2019, 7:36 pm

Grande, imenso actor que partiu; de uma elegância, sobriedade e subtileza fora de série. Em termos particulares, nunca me esquecerei do Verão de 2004, em plena euforia do Euro, da surpresa que foi descobri-lo a deambular por paisagens lisboetas nessa ode poética e existencialista que dá pelo nome de Dans La Ville Blanche - A Cidade Branca, de Alain Tanner. Foi numa daquelas sessões da RTP1 pela noite fora e fiquei colado ao ecrã a ver aquilo que muito se me assemelhou na altura a um Before Sunrise passado em terras lusas. Com uma Lisboa belíssima e sedutora, mas que não volta mais... Ainda há relativamente pouco tempo revisitei-o na RTP Memória e o encanto continua lá todo. Resultado: mais uma vez preso ao ecrã. RIP Bruno Ganz.

Responder