Hong Kong - Dezembro 2010

Coloquem aqui as vossas fotografias de viagens, viagens de sonho, ou as vossas fotografias
Samwise
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Mensagens: 5043
Registado: fevereiro 19, 2009, 9:07 pm
Contacto:

Re: Hong Kong - Dezembro 2010

Mensagem por Samwise » dezembro 3, 2010, 2:29 pm

Alucinado, acho que a nossa perspectiva sobre o assunto difere numa coisa essencial, o conceito de arte (assim muito sucintamente, e sem querer iniciar uma discussão que não tem mesmo fim: arte no sentido de algo que tem um objectivo distinto do "funcional", que é o resultado de uma visão pessoal de quem a concebe, e que é deixado à disposição de terceiros para apreciação - se não for, não vale a pena debater o objecto porque não se conhece).
p_alucinado Escreveu: pessoas diferentes, perspectivas diferentes. :wink: Há milhões de milhões de fotos fantásticas espalhadas por essa net fora, mas, para mim, se não vierem contextualizadas, perdem grande parte da sua beleza.
Compreendo o que queres dizer, mas contraponho com a questão essencial: qualquer foto "em condições" (como objecto artístico) não necessita de nenhuma palavra para ser apreciada em toda a sua plenitude - ou seja, não perde nenhuma da sua beleza se não tiver palavras à sua volta. Se encerrar dúvidas, então essas dúvidas enriquecerão a experiência de quem observa a imagem.

Podes ter muitas questões sobre a imagem que gostarias de ver esclarecidas e podes até não compreender onde está a sua "arte", mas a falta de respostas não pode retirar "beleza" à imagem que tens à frente - volto a frisar: se a imagem for de alguma forma artística.
Eu sei que se costuma dizer que "uma imagem vale mais que mil palavras" e admito que, em certos casos, isso se verifique. No entanto, só para te dar um exemplo, o texto do Cabeças foi, para mim, muito mais valioso que muitas imagens, porque o que está ali é vida, é um retrato de um Macau que provavelmente já não volta mais, que existe na apenas na memória do Cabeças e dos outros que as viveram com ele. Isto dava um filme, acredita. Mas claro, serão sempre opções de quem publica as fotos, comentar ou não.
O texto do Cabeças é mais valioso que qualquer conjunto de fotografias dentro do contexto em que foi escrito, mas olho para ele sem tentar retirar qualquer valor "artístico". Dava um filme, e podia ser complementado com fotografias (que podiam ser artísticas ou não, com ou sem miolos de macaco à mistura), mas remeto para a mesma questão - uma fotografia artística não carece de explicações - e aqui estamos a falar de uma coisa bem diferente.

Se quiseres, posso enviar-te um guia de introdução à fotografia digital em pdf. Já dá para teres uma ideia das vantagens das DSLR em relação às point & shoot e às Compact.
Sim, gostava que me enviasses, obrigado. Falo contigo por PM.
«The most interesting characters are the ones who lie to themselves.» - Paul Schrader, acerca de Travis Bickle.

«One is starved for Technicolor up there.» - Conductor 71 in A Matter of Life and Death

Câmara Subjectiva

Responder