Cinema de Leste

Discussão de filmes; a arte pela arte.

Moderators: mansildv, waltsouza

Post Reply
elfaria
Fanático
Fanático
Posts: 942
Joined: Sat Jan 08, 2011 11:50 pm

Re: Cinema de Leste

Post by elfaria » Thu Apr 09, 2015 12:25 pm

Regressando a este tópico que faço questão de que tenha continuidade nem que seja só para 5 ou 6 foristas deixo mais duas sugestões que vi recentemente; assim a seco sem mais comentários e apenas com a minha nota que é sempre suspeita eh-)


Czlowiek na torze (Andrzej Munk, 1957) http://www.imdb.com/title/tt0050282/




8.9/10



Poklosie [2012] Wladyslaw Pasikowski http://www.imdb.com/title/tt2209300/




8/10


Edições em português népia

nimzabo
Especialista
Especialista
Posts: 1799
Joined: Tue Jul 16, 2013 9:16 pm

Re: Cinema de Leste

Post by nimzabo » Tue Apr 28, 2015 9:20 pm


drakes
Especialista
Especialista
Posts: 1439
Joined: Wed Jun 10, 2015 11:44 pm

Re: Cinema de Leste

Post by drakes » Sat Jun 13, 2015 8:30 pm

João Ferreira wrote:
JoséMiguel wrote:
Seria muito mais simples se houvesse uma página em pt-pt e pt-br em vez de levar-mos com tudo em brasileiro, mas pronto o facto de sermos menos, faz com que tenhamos menos peso infelizmente, no que toca ao dicionário português o melhor creio que seja o priberam que é feito por portugueses para portugueses digamos assim

Quanto aos filmes em questão são estes:

Klass
Image
http://www.imdb.com/title/tt0988108/
Joosep (Pärt Uusberg) é o típico adolescente. Inteligente, tímido, sensível e considerado “estranho” pelos demais, Joosep é visto como o saco de pancada perfeito pelo bully Anders (Lauri Pedaja). Liderados por eles, os rapazes – e a maioria das meninas – da turma de Joosep fazem com que ele seja vítima, diariamente, de sessões de tortura física e psicológica. A situação piora quando Kaspar (Vallo Kirs), um dos rapazes que sempre marcou posição contra Joosep, muda a sua conducta e passa a apoiar o rapaz. Sentindo a sua liderança ameaçada, Anders lidera os demais para intensificar as humilhações contra Joosep e, agora, também focando as suas ações contra Kaspar.
Não sei se bem aqui, mas Klass tem uma serie que é Klass: Elu Parast significa simplesmente A classe : a vida depois , aborda as consequências do drama retratado no filme de 2007. O elenco e a equipe criativa aqui são praticamente os mesmos. A série é composta de sete episódios exibidos entre novembro e dezembro de 2010 em ETV . Os seis primeiros são uma hora enquanto o último tem mais vinte minutos.

Os primeiros 6 capitulos é inspirado em cada um dos componentes do ocorrido, aluno, pais, professores, o último o julgamento do Kaspar.

Tirando o final feliz, a série consegue abordar o episódio, é bem merecido a nota do imdb (8,2).
http://www.imdb.com/title/tt1670474/?ref_=fn_al_tt_7


A musica tema é lindíssima


JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2905
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Cinema de Leste

Post by JoséMiguel » Fri Jul 17, 2015 1:08 am

Uma sugestão para o Drakes (e por ventura não só).

Gostei muito de um filme checoslovaco de ficção científica + comédia, acerca de dois ladrões que rejuvenesceram, que em inglês se chama "How about some spinach?"

IMDB: http://www.imdb.com/title/tt0074354/

Em checo, é o "Coz takhle dát si spenát" (1977) .

O filme é brutal como contra-peso moral (europeu) para combater os abusos morais e pudor do cinema norte-americano, hoje mais necessário do que nunca.

Destaco e cito este comentário do IMDB:
(...)And as so often with Vorlíček & Macourek, there is the laudable "courage" in displaying ribald, or adult-tinged, topics in their comedy. Kids typically love watching Vorlíček & Macourek comedies, yet these gentlemen do not shy away from bits of dialogues, or scenes, that would make a politically correct American film-maker's hair stand on end. Let's only think back to the scene with a school-boy in bed with a mature woman; or the four "kids"' bedtime conversation.
O filme é muito bom, com maturidade e inteligência, mas tem ainda esse bónus de fazer frente ao pudor medieval do cinema norte-americano, do qual sou pessoalmente e assumidamente forte opositor. :biggrin:

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2905
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Cinema de Leste

Post by JoséMiguel » Fri Jul 17, 2015 3:06 am

Gostaria de fazer um post especial, por ser dedicado aos meus primeiros contactos com o cinema soviético, neste caso venho falar do Sherlock Holmes da Lenfilm, honrado e premiado em Inglaterra pela própria pessoa da Rainha Isabel II. Aqui "não há pão para malucos" subjectivos, pois a adaptação soviética vale mesmo ouro e tentarei explicar porquê.

https://en.wikipedia.org/wiki/The_Adven ... Dr._Watson
The Adventures of Sherlock Holmes and Dr. Watson (Russian: Приключения Шерлока Холмса и доктора Ватсона) is a series of television films made by Soviet television. They were directed by Igor Maslennikov. In 2006, Vasily Livanov became an Honorary MBE (Member of the Order of the British Empire) for his portrayal of Sherlock Holmes
Image
This photograph of Livanov as Sherlock Holmes is displayed at the Sherlock Holmes Museum on Baker Street.

Eu registei-me no fórum pouco após ter descoberto o cinema soviético, nessa altura cheguei a comentar os aspectos insólitos e referi mesmo a adaptação televisiva do Sherlock Holmes, feita nos anos 80 pela Lenfilm. O aspecto insólito que referi foi que os russos eram fiéis ao livro e cada história tinha a duração incerta, conforme fosse necessário. Ou seja isto não tinha o formato ocidental comercial de impôr uma duração fixa para um time-slot, com objectivos de maximizar lucros de reclames publicitários, e dessa forma trucidar o trabalho literário original, em nome do lucro do reclame ao restaurador Olex.

A série inglesa da Granada, que vi por volta de 1989 na RTP (e mais tarde em DVD), é excelente e merece um 10/10, mas é óbvio que se cada episódio tinha a duração imposta de 47 minutos (ou algo do género), existiu desrespeito e trucidação do trabalho literário original.

Este é um trailer fan-made que encontrei no You Tube, da versão da Lenfilm:



E este é um excerto criado por mim no Vimeo, com destaque para o cameraman andar a mexer livremente a câmara de filmar, à boa maneira soviética, algo proibido e impensável nas adaptações do Sherlock Holmes inglesas, mas melhor que isso é a música da intro, a reconstituição da Baker Street na Crimeia (ou algo do género), e o calibre dos actores que fazem de Holmes e Watson:



Mas lá está, esta primeira história, em que o Watson conhece o Holmes, tem a duração de 2h20m na versão russa, e aqui está o problema dos 47 minutos da versão (embora excelente) inglesa.

No entanto a versão da Lenfilm não era uma série televisiva de acordo com a definição do ocidente (com os tais 47 minutos em nome dos anúncios do restaurador Olex), mas sim uma sucessão de tele-filmes, em que cada episódio tinha a duração necessária para adaptação fiel ao livro, pois não existiam reclames e anúncios publicitários na URSS nessa época, e a programação era suportada por impostos, tal como a RTP e BBC actuais. oops:)

Espero que tenham gostado de ler a minha opinião, mesmo que não concordem nada com ela, e que tentem espreitar um dos episódios do Sherlock Holmes soviético, para vossa cultura geral e abertura de horizontes, de modo a entenderem que o esquema televisivo anglo-saxónico da actualidade (fórmula tipo hollywoodesca), não é compatível com as obras de literatura, e para tal basta pensarem no exemplo do livro Drácula de Bram Stocker, e suas adaptações no cinema oops:) .

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2905
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Cinema de Leste

Post by JoséMiguel » Thu Jul 23, 2015 2:45 am

A minha sala caótica.

(EDIT) Existe o pessoal que vê a TDT gratuita ou paga a mensalidade do MEO e afins, e depois existem malucos como eu que não vêem uma coisa nem outra e gosta de ver filmes no You Tube:

Image

Com um camandro! Até tenho o disco rígido a correr o Windows 7, fora do chassis do computador, enquanto escrevo esta mensagem.

Explicação da confusão insólita da fotografia:

Computador montado por mim, normalmente ligado ao monitor de 22", com placa gráfica com saída HDMI ligada também à televisão de 32".

É assim que vejo filmes em streaming.

Destaque para o gravador VHS Samsung com leitor de DVD incorporado e box EMTEC para captura digital de cassetes VHS (a caixinha preta por debaixo da caneca de café). Também tenho dois sistemas 5.1 Surround espalhados pela sala...

O teclado teve um acidente porque acabou de cair um cinzeiro em cima.

O meu computador avariou-se e liguei o disco rígido a outro PC, por isso a caixa está aberta.

A confusão é maior que o habitual, pois ando em mudanças e arrumações (vou mudar de casa).

Espero que se divirtam com a foto e que esclareça alguns mistérios de comentários que tenho lido, de pessoal que julga que vejos filme do You Tube nalgum tablet ou brinquedos pequenos.

Podem gozar com o meu home cinema caótico e insólito que não faz mal... e até irei achar graça a ler. :lol:
Last edited by JoséMiguel on Fri Jul 24, 2015 7:11 pm, edited 1 time in total.

drakes
Especialista
Especialista
Posts: 1439
Joined: Wed Jun 10, 2015 11:44 pm

Re: Cinema de Leste

Post by drakes » Thu Jul 23, 2015 3:06 pm

Image

Título original: GADKIE LEBEDI
Título internacional: Ugly Swans
Ano de Lançamento: 2006
Genero: Drama / Mistério / Sci-Fi
Diretor: Konstantin Lopushansky
Imdb: 7,2/10 from 907 users
http://www.imdb.com/title/tt0439581

Sinopse
O escritor Victor Banev é destacado para uma missão da ONU em Tashlinsk, uma região assolada por neblina e chuva constantes. Seu motivo real é encontrar a filha, Ira, que vive numa escola interna para crianças superdotadas. A escola é regida por misteriosos mutantes chamados Mokretsi (úmidos). Quando as autoridades planejam destruir a região junto com seus habitantes, Victor decide resgatar Ira.


Pequenas Notas:
- O filme é inspirado romance homônimo dos escritores Arkady and Boris Strugatsky.
- O personagem Gennady Komov foi introduzido na trama por fazer parte de outros livros dos autores.
- É o realizador de As Cartas Do Homem Morto (http://forum.dvdmania.org/viewtopic.php?f=11&t=47010)
- É um filme de pequeno orçamento até considerado Cartas do Homem Morto do mesmo diretor/escritor/produtor


Essa foto aparece por que eles chamados de Swans, a fotografia do filme é em vermelho e negro com muita água nas cenas.
Image


Trailer com legendas em inglês:
Encontrei essa crítica em inglês que concordo com ela:
http://letterboxd.com/lordcookie/film/the-ugly-swans/

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2905
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Cinema de Leste

Post by JoséMiguel » Fri Jul 24, 2015 7:08 pm

Drakes, excelente post!

Propunha que criasses um tópico novo com este formato de título:

Гадкие лебеди / The Ugly Swans (2006) - Konstantin Lopushanskiy

Se couber. Se o título não couber mete" K. Lopushanskiy" em vez de "Konstantin... etc.), pq os dois idiomas de título são mais importantes que o 1º nome do realizador. É só uma sugestão pois o tópico será teu e fazes conforme entenderes... (gostei da tua jogada em colocar a classificação IMDB).

E que copiasses para lá o teu texto inteiro tal e qual, mas coloca o trailer à vista, fora do spoiler.

És capaz de ser o único membro do fórum que já viu o filme, e se criares o tópico dedicado, eu, o Gaspar e o resto da malta vamos lá tirar dúvidas, e eu próprio já tenho uma dúvida em espera para te colocar. :-D

elfaria
Fanático
Fanático
Posts: 942
Joined: Sat Jan 08, 2011 11:50 pm

Re: Cinema de Leste

Post by elfaria » Mon Aug 17, 2015 5:55 pm

Trudno byt bogom/Hard to be a god (2013) Aleksey German

http://www.imdb.com/title/tt2328813/


Já o tinha visto em março (sim eu sei que só estreou em maio :wink: ) mas a sua complexidade e riqueza visual são tais que me requer mais que uma visualização. Aviso já de que é um filmão que exige alguma (bastante) resiliência pois as suas quase 3 horas ( 177 minutos) e as legendas em inglês não facilitam a concentração, mas vencida a primeira hora o que primeiro se estranha acaba por entranhar-se. A fotografia, o design de produção e a caracterização dos actores são pura e simplesmente soberbos (os planos gerais parecem quadros de Brueguel mas a P/B) e o argumento baseado livremente na obra Trudno byt' bogom dos irmãos Boris e Arkady Strugatsky contribuem para que este seja um filme único (e ainda bem dirão alguns) que nos dá (a mim deu) a sensação de estar a viver uma alucinação.
Terei que adquirir o BD e voltar a ele mais uma vez ou duas para poder absorver melhor a sua genialidade mas não me importa pois a primeira vez que com 12 anos assisti ao lado do meu pai a um estranho filme chamado 2001 Odisseia no Espaço também não percebi nada mas saí do antigo cinema Monumental em Lisboa completamente fascinado com tudo o que tinha acabado de ver e só 10 anos mais tarde numa reposição no Caleidoscópio e com a leitura do livro escrito por C. Clark em 1972 (sim 3 anos depois do filme) o viria a colocar definitivamente na lista dos meus filmes favoritos. Este É Difícil Ser Um Deus não é, concordo, um filme fácil, mas para mim será uma obra de referência por tudo o que aporta de inovador à estética cinematográfica. 9/10 :mrgreen:




Territoriya/ Territory (2015) Aleksandr Melnik

http://www.imdb.com/title/tt2251828/?ref_=ttpl_pl_tt

Não estranho a sua baixa pontuação no IMDb pois é praticamente igual à da versão de 1979 que não conheço (é possível que tenha existido alguma confusão entre as duas), mas eu gosto deste tipo de cinema com um tom épico e que aborda o confronto do homem com a natureza selvagem daí talvez o achar um magnífico pedaço de cinema. A história fez-me recordar vagamente o aclamado Letter never send 1960 de Mikhail Kalatozov; As aventuras (e desventuras) de uma equipa de geólogos na URSS dos anos 60?, enviados pelo governo a uma região remota do norte
da sibéria para descobrir novas jazidas de ouro. Mais uma vez a fotografia e o design de produção com a qualidade tradicional no
cinema russo (embora só isso não baste para o tornar um grande filme). Novamente umas legendas em inglês pouco coloquial
em contraponto com um visual deslumbrante de documentário da National Geographic dificultam a assimilação da história, mas até melhor possibilidade de o voltar a ver com legendas em PT fiquei com a sensação de ter assistido a um filme excepcional. 7,5/10
Last edited by elfaria on Mon Aug 17, 2015 8:22 pm, edited 8 times in total.

Gaspar Garção
Especialista
Especialista
Posts: 1058
Joined: Sun Jan 17, 2010 1:30 pm
Location: Portalegre

Re: Cinema de Leste

Post by Gaspar Garção » Mon Aug 17, 2015 6:50 pm

Elfaria, atenção que o Piknik na obochine foi o livro que inspirou o Stalker. Como tu escreves, e bem,no início do post, o título do filme é Trudno byt bogom, o mesmo título do livro (que já li várias vezes).
Na baliza Jackson, defesa com Scorsese, Coppola, Spielberg e Eastwood. No meio campo, Ridley Scott, Wes Anderson, Pollack e Carpenter. Avançados, Woody, e solto nas alas Tarkovsky. Suplentes: Bunuel, Fellini, Kurosawa, Visconti, Antonioni, Lynch e Burton.

elfaria
Fanático
Fanático
Posts: 942
Joined: Sat Jan 08, 2011 11:50 pm

Re: Cinema de Leste

Post by elfaria » Mon Aug 17, 2015 7:56 pm

Gaspar Garção wrote:Elfaria, atenção que o Piknik na obochine foi o livro que inspirou o Stalker. Como tu escreves, e bem,no início do post, o título do filme é Trudno byt bogom, o mesmo título do livro (que já li várias vezes).
Certíssimo Gaspar Garção. Mea culpa, correção efectuada. Grato pela atenção dedicada ao meu pequeno texto salut-)

P.S.: vou tentar encontrar e ler o livro para perceber melhor a história na próxima visualização yes-)

Gaspar Garção
Especialista
Especialista
Posts: 1058
Joined: Sun Jan 17, 2010 1:30 pm
Location: Portalegre

Re: Cinema de Leste

Post by Gaspar Garção » Mon Aug 17, 2015 10:00 pm

Li o teu texto com muita atenção e prazer, embora confesse não ter conseguido passar dos 20 minutos do filme... (há por aqui um tópico onde eu e o Zé Miguel falamos do filme e da minha...dor de barriga ao vê-lo). ;)

Os Irmãos Strugatsky são geniais, tenho muitos livros deles da Europa-América Colecção FC e da Caminho Azul, pena é que haja poucas reedições, e que o Difícil é Ser Deus seja quase impossível de encontrar...
Na baliza Jackson, defesa com Scorsese, Coppola, Spielberg e Eastwood. No meio campo, Ridley Scott, Wes Anderson, Pollack e Carpenter. Avançados, Woody, e solto nas alas Tarkovsky. Suplentes: Bunuel, Fellini, Kurosawa, Visconti, Antonioni, Lynch e Burton.

elfaria
Fanático
Fanático
Posts: 942
Joined: Sat Jan 08, 2011 11:50 pm

Re: Cinema de Leste

Post by elfaria » Mon Aug 17, 2015 10:51 pm

Gaspar Garção wrote:Li o teu texto com muita atenção e prazer, embora confesse não ter conseguido passar dos 20 minutos do filme... (há por aqui um tópico onde eu e o Zé Miguel falamos do filme e da minha...dor de barriga ao vê-lo). ;)

Os Irmãos Strugatsky são geniais, tenho muitos livros deles da Europa-América Colecção FC e da Caminho Azul, pena é que haja poucas reedições, e que o Difícil é Ser Deus seja quase impossível de encontrar...
Acredito que seja um bocado complicado adquirir este livro em português. Em espanhol, já o tenho em pdf chegou agora mesmo :wink: , mas caso o meu conhecimento da língua castelhana se revele insuficiente vou tentar encontrar a edição portuguesa da Caminho nas bibliotecas públicas aqui da zona. Quanto ao filme, as críticas foram maioritariamente negativas mas isso também já aconteceu no passado com obras que hoje são consideradas grandes clássicos. Considero-o uma experiência bastante individual pelo que me limito a relatar a minha (experiência) sem o aconselhar ou desaconselhar verdadeiramente a ninguém.

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2905
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Cinema de Leste

Post by JoséMiguel » Mon Sep 21, 2015 4:14 am



Esta noite tive uma estranha e agradável surpresa no Xploited Fórum. Apareceu lá o "Daninsky" com a capa portuguesa acima. Ele é coleccionador de cassetes VHS portuguesas e tem um canal no You Tube chamado "Major Tom", com capturas de cassetes portuguesas aqui:

https://www.youtube.com/channel/UCcbqF1 ... fTZXMkNC2g

Ele espetou lá esta imagem e perguntou-me se eu conhecia o filme. :badgrin: Este foi o comentário que escrevi, que partilho também aqui (criei um clip e tudo):
Daninsky isso é brutal! :-P yes-)

Lá se vai a minha teoria de que as editoras portuguesas de cassetes VHS fizeram censura política ao cinema de leste. Aparentemente existiu esta única (?) excepção?

Não foi fácil identificar o filme, tive de usar o nome do realizador. Não percebo porque surge um título em inglês na capa portuguesa.

O filme é ucraniano e ganhou um prémio, tem uma premissa semelhante ao blockbuster de Hollywood "Gravity", e no wikipédia russo diz lá que tiveram apoio da agência espacial soviética.

Tens a cassete? Não a deites fora!!! Onde é que descobriste isto?

O filme é este:

http://www.imdb.com/title/tt0230961/
https://ru.wikipedia.org/wiki/%D0%92%D0 ... 1%82%D1%8B

Há uma versão sem legendas no You Tube. Acho que dava jeito a cassete portuguesa, a começar pelas legendas portuguesas. Se calhar não existem legendas em nenhum idioma (não procurei mas é possível ser o caso).

Não vi o filme, mas criei este clip/excerto bonito a partir da versão do You Tube:



Muito obrigado Daninsky, tens mais informações acerca da cassete portuguesa?
Nota: Não levem a mal a publicidade ao outro fórum, pois julgo que não fazem concorrência um ao outro. Quando tiver tempo talvez faça uma ficha técnica em tópico dedicado. :-D

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2905
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Cinema de Leste

Post by JoséMiguel » Mon Sep 28, 2015 10:25 am

Ficção científica soviética, com piloto norte-americano do futuro a descarregar uma metralhadora pesada sobre os cavaleiros da Inglaterra medieval:



Filme que não posso ver, pois não existem legendas em nenhum idioma... :-(

wikipédia: https://ru.wikipedia.org/wiki/%D0%9D%D0 ... 1%80%D0%B0

É aquela famosa Super/Mega produção cujos "sets" extraordinários foram re-utilizados para o filme "Hard to be a God".

Observação: Drakes, se puderes dá aí uma vista de olhos para verificares se já foram criadas legendas, porque eu gostava muito de ver este filme. :wink:

EDIT: Criei este clip:



Mas o que é isto? Uma mulher inglesa trajada com armadura de cavaleiro estilo Joana D'Arc, a inspeccionar os destroços do avião do futuro, com a canção patriótica-nacionalista-religiosa americana "The Battle Hymn of the Republic" (o título parece algo retirado dos Klingons do Star Trek) a acompanhar?

Sem legendas, o povo ocidental como nós não entende o contexto, mas fico muito curioso... O cinema soviético é uma caixinha de surpresas...

Post Reply