Lost in the Desert (1969) - Jamie Uys

Discussão de filmes; a arte pela arte.

Moderator: waltsouza

Post Reply
JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2625
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Lost in the Desert (1969) - Jamie Uys

Post by JoséMiguel » Wed Sep 20, 2017 2:59 am

Image

https://en.wikipedia.org/wiki/Lost_in_the_Desert

Excerto, dobrado em brasileiro:



Comentário

Este é um filme do género "Survival", acerca de um menino de 8 anos de idade, chamado Dirkie, cuja avioneta pilotada pelo tio se despenha no deserto da África do Sul, após ataque cardíaco do tio.

Para os leitores do fórum mais velhos do que eu, devo assinalar que o realizador deste filme é o Jamie Uys, o mesmo sujeito que realizou "Os deuses devem estar loucos" (I e II), filmes estranhos e um bocado amadores da África do Sul, mas filmes originais que fazem o belo do manguito à fórmula comercial de Hollywood.

O actor menino protagonista deste filme é o Wynand Uys, filho do realizador.

Eu vi este filme no You Tube, numa versão com legendas castelhanas, e gostei muito dele:



Ok, a equipa de cinema lá do regime mais Nazi à face da terra do Apartheid, não tinha muito jeito para fazer filmes, pois o filme ainda é pior tecnicamente do que o miserável cinema português da época. O menino protagonista é o próprio filho do realizador e a edição e montagem é uma das maiores cagadas que já vi na história do cinema, muito pior do que o cinema americano ou soviético da década de 1930!

Mas a história é super-interessante, e o realizador estava-se cagando para o modelo de cinema americano, da fórmula repetitiva para intrujar o povo, e por isso temos aqui um filme com uma bela história super-cativante, mas não para a malta do blu-ray e dos televisores HD, que prefere um chouriço embalado numa tripa bonita. É que este é um filme para se ver no You Tube, num VHS-RIP, de baixa resolução, legendado em castelhano. Isto não serve para o pessoal que encomenda blu-rays da Criterion. O problema da Criterion é gostar muito de cinema soviético pela sua excelência visual cinematográfica, mas perante um filme "mal feito" da África do Sul, a Criterion se calhar estará cagando-se, apesar da história muito bonita e cativante deste filme.

Filme recomendado pela minha parte, para apreciadores do género "Survival".

technicolor
Entusiasta
Entusiasta
Posts: 235
Joined: Wed Mar 02, 2016 9:00 pm

Re: Lost in the Desert (1969) - Jamie Uys

Post by technicolor » Wed Sep 20, 2017 10:07 am

JoséMiguel wrote:
Wed Sep 20, 2017 2:59 am
Este é um filme do género "Survival", acerca de um menino de 8 anos de idade, chamado Dirkie, cuja avioneta pilotada pelo tio se despenha no deserto da África do Sul, após ataque cardíaco do tio.

Para os leitores do fórum mais velhos do que eu, devo assinalar que o realizador deste filme é o Jamie Uys, o mesmo sujeito que realizou "Os deuses devem estar loucos" (I e II), filmes estranhos e um bocado amadores da África do Sul, mas filmes originais que fazem o belo do manguito à fórmula comercial de Hollywood.

O actor menino protagonista deste filme é o Wynand Uys, filho do realizador.

Eu vi este filme no You Tube, numa versão com legendas castelhanas, e gostei muito dele:

Ok, a equipa de cinema lá do regime mais Nazi à face da terra do Apartheid, não tinha muito jeito para fazer filmes, pois o filme ainda é pior tecnicamente do que o miserável cinema português da época. O menino protagonista é o próprio filho do realizador e a edição e montagem é uma das maiores cagadas que já vi na história do cinema, muito pior do que o cinema americano ou soviético da década de 1930!

Mas a história é super-interessante, e o realizador estava-se cagando para o modelo de cinema americano, da fórmula repetitiva para intrujar o povo, e por isso temos aqui um filme com uma bela história super-cativante, mas não para a malta do blu-ray e dos televisores HD, que prefere um chouriço embalado numa tripa bonita. É que este é um filme para se ver no You Tube, num VHS-RIP, de baixa resolução, legendado em castelhano. Isto não serve para o pessoal que encomenda blu-rays da Criterion. O problema da Criterion é gostar muito de cinema soviético pela sua excelência visual cinematográfica, mas perante um filme "mal feito" da África do Sul, a Criterion se calhar estará cagando-se, apesar da história muito bonita e cativante deste filme.

Filme recomendado pela minha parte, para apreciadores do género "Survival".
Hummm! Este é mesmo a minha cara José Miguel. Tecnicamente poderá até ser básico mas pelo que vi tem um "je ne sais quoi" que compensa essa apontada falta de perícia técnica e nos dá algo com emoções genuínas (e ao que parece à época conquistou fãs em todo o mundo) ... Quanto ao resto, sobre a malta do HD e dos "chouriços" da Criterion :mrgreen: pessoalmente "enfio a carapuça" e não me ofendo nada com isso. Agrada-me ver filmes de que gosto com a melhor qualidade possível e acessível ao meu pequeno bolso mas ser for preciso também os vejo no youtube quando não existe alternativa. salut-)

Post Reply