Cinema de Leste

Discussão de filmes; a arte pela arte.

Moderator: waltsouza

Post Reply
No Angel
Especialista
Especialista
Posts: 1495
Joined: Mon Apr 02, 2012 9:58 pm

Re: Cinema de Leste

Post by No Angel » Wed Jul 05, 2017 9:43 am

JoséMiguel wrote:
Wed Jul 05, 2017 1:52 am
Se mais tarde, eu decidir editar o meu comentário, será apenas a remoção da 2º parte, que diz respeito a ucranianos nazis, o que é um absurdo igual a um judeu nazi, pois apenas revela ignorância de que o povo ucraniano era para "ir à vida" e ser exterminado, imediatamente após a conclusão do extermínio dos judeus. Está aqui tudo explicado no wikipedia:

https://en.wikipedia.org/wiki/Generalplan_Ost

Quanto à primeira parte, eu queria ter falado com a senhora romena acerca do filme Dacii, onde a mesma legião V Alada romana, que conquistou Portugal (60-80 anos após a resistência do Viriato), foi derrotada e aniquilada na Roménia, aquando da primeira tentativa de invasão romana da Dácia/Roménia.

Tenho um vídeo acerca disso:



Gostaria de tirar umas dúvidas históricas e de cinema de leste à senhora romena, e de aprender coisas que não descubro no wikipedia, que possa também partilhar aqui neste tópico, ou nos tópicos do "Mircea" ou "Dacii".

Por exemplo, a senhora é mais velha do que eu eu e terá nascido no final da década de 1960, e eu gostava de saber que filmes estrangeiros passavam na Roménia na TV e Cinema, nas décadas de 70 e 80. Será que passavam filmes americanos do Stanley Kramer (os soviéticos adoravam esse cineasta), filmes franceses, polacos... como era isso?

Também quero saber como o Vlad Tepes (herói nacional romeno) era ensinado em História, entre o 5º e 9º ano de escolaridade, será como o Afonso Henriques e Viriato em Portugal?

O filme romeno Dacii de 1967 é sobre a resistência feroz dácia contra a anexação romana, exactamente igual à resistência do Viriato. Em ambos os casos a Dácia e a Ibéria foram derrotadas mais tarde.
O Vlad Tepes de heroi tem zero, ele empalava pessoas, milhares de pessoas. Se isso pra eles é heroismo, eu tenho medo dessas pessoas eh-)

drakes
Especialista
Especialista
Posts: 1106
Joined: Wed Jun 10, 2015 11:44 pm

Re: Cinema de Leste

Post by drakes » Fri Jul 14, 2017 3:42 am

para quem gosta de curtas, o estúdio alegro tem uma série Legendy Polskie

https://www.youtube.com/user/AllegroTV/videos

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2648
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Cinema de Leste

Post by JoséMiguel » Tue Sep 26, 2017 4:58 am

JoséMiguel wrote:
Fri Mar 07, 2014 8:18 pm
Cinema da Geórgia

Primeiro que tudo, que país é esse da Geórgia?

No meu tempo de vida aparenta ser um país novo, que nunca constou nos mapas políticos dos meus livros de geografia e história, e só surge em 1992 nos noticiários, mas estes tipos são os Iberos de oriente, referenciados pelos gregos da antiguidade, antes da invasão romana dos Iberos do ocidente (Portugal e Espanha), e com estas histórias de há 2.500 anos atrás fiquei realmente bastante intrigado.

O nome actual interno e verdadeiro do país é Kartvélia (Geórgia é um termo oficial externo ofensivo cunhado pelos poderes prepotentes da Europa Ocidental, duranta a idade média, que significa apenas que os kartvélios eram fiéis ao São Jorge, é como se os ingleses chamassem a Portugal de "PortWineLand", e 95% do Mundo seguisse o exemplo).

Link em inglês, para quem quiser investigar mais pormenores: http://en.wikipedia.org/wiki/Georgians (se mudarem de língua para georgiano e traduzirem com o Google Chrome, corresponde a tomarem o blue (ou será red) pill do Matrix).

Ok, mas em relação aos filmes, apenas vi um ainda, que é uma espécie de "Resgate de Soldado Ryan" mas com a mais valia da carga emocional do "A Vida é Bela", aqui está um trailer:



É sobre um pai, já velho demais para combater na 2ª grande guerra, que soube que o filho soldado foi ferido e anda à procura dele, para lhe levar uns chouriços, vinho, tabaco ou afins. É uma história muito triste e comovente, se arranjar tempo para escrever uma crítica, à partida irei dar a nota máxima de 100%.

IMDB: http://www.imdb.com/title/tt0169828/

Por exemplo nesse trailer anterior, o camponês georgiano (um homem simples do campo) está a refilar com os tanquistas russos, para não esmagarem as vinhas de uma aldeia em solo inimigo (os russos tinham acabado de penetrar em território aliado do eixo, pela 1ª vez no decurso da guerra).

Eu não achei que o filme fosse de comédia, macacada ou palhaçada. Isto é um puro filme anti-guerra de facada no coração, onde os soviéticos eram realmente mestres do cinema. É um filme que marca...

Por último a Geórgia conseguiu preservar o seu alfabeto único no mundo inteiro, e o título do filme no seu idioma original (podem fazer copy paste para o You Tube, quem sabe até surja uma versão em HD :wink: ) tem este aspecto:

ჯარისკაცის მამა
Estou a desenterrar este comentário feito há 3 anos e meio, pois estive a responder a um senhor georgiano num vídeo do You Tube acerca da História da Península Ibérica.

Em 2014 fiquei completamente intrigado com os historiadores da Grécia Antiga considerarem os portugueses como sendo o mesmo povo que a Kartvélia da Europa de Leste, conforme o que eu li no Wikipedia, em vários idiomas.

Como de costume nunca tenho ninguém com quem conversar acerca deste assuntos que eu acho intrigantes...

Mas hoje descobri um tipo georgiano que está intrigado com a mesma questão! salut-) yes-)

Eu estava a cuscar este vídeo, que mostra os mapas da Península Ibérica ao longo dos milénios:



E leio lá o seguinte comentário:
Irakli Gaprindashvili
Há 2 anos (editado)
thats very intresting for me, cos' my country's historical name was Iberia as well. i mean modern Georgia at Caucasus 
É pena que o tipo tenha escrito isso em 2015, e apenas agora eu tenha descoberto o comentário dele... :-(

Mas respondi o seguinte, que irá aparecer em notificação, da próxima vez que o sujeito visitar o You Tube:
Zé da Adega
Há 1 segundo
I'm also very intrigued with Georgian Iberians in Eastern Europe, I've read wikipedia arcticles in portuguese, italian, english, russian (auto-translated) and georgian (auto-translated, because you have a funny alphabet), about "Iberians" from the west (Portugal and Spain) and "Iberians" from the East (Caucasus region in East Europe).

It turns out the division between East and West Iberians was noted in writing by the Ancient Greeks (before the Roman Era). The greeks considered us (portuguese, spanish and georgians) the same people, and that's all I read...

Maybe there was some migrations going on before Ancient Greece?

Very curious fenomenum...

So the Portuguese and Georgians are genetically related?

I learned that your country is called "Kartvelia" and "Georgia" is an offensive name given by the western powers that be, but during the cold war my school maps only showed USSR, and your country didn't even exist on my portuguese school book map (soviet politics).

But I like your cinema, I have seen a great film called "ჯარისკაცის მამა" Father of a soldier", and I even wrote a comment of the georgian film on a cinema forum here:

viewtopic.php?f=11&t=46500&start=30

Maybe some portuguese guys are reading my comment and want to look in wikipedia the english term "Caucasian Iberians"...

In the 1965 georgian film I saw the old georgian guy acts exactly like a portuguese old guy, wanting to protect the precious vineards, when the soviet tanks cross into german farmland and he stops the tanks from destroying the grapes. Our peoples do like our wine... :-)
Escrevi isso um pouco à pressa, com um inglês meio índio, meio manhoso, mas espero que o tipo da Geórgia leia o meu comentário e fique a saber que nem todos os portugueses são ignorantes acerca do país do homem.

Em relação ao filme, ele tem um certo quê de cultura mediterrânica ou do sul da europa, pois o protagonista comporta-se tal e qual um agricultor português do antigamente, nascido no tempo da monarquia portuguesa, que em velhote ralhava comigo por eu andar a partir as cepas das vides, a correr em puto pelo meio da vinha, tal como este personagem velhote georgiano, que se coloca à frente dos tanques russos em 1944, a proteger as vinhas alemãs e a ralhar com os rapazes soviéticos que guiavam os tanques. Esta cena surge no vídeo acima.

O filme merece uma nota de 100%, mas eu nunca tive tempo/inspiração para escrever uma análise acerca dele. Sei que o filme possui stream oficial HD, autorizado pelo estúdio georgiano ex-soviético, gratuito no You Tube, mas acho que é preciso ir à procura de legendas inglesas, como fiz em 2014. Se houverem interessados aqui no fórum, eu ou o Drakes podemos dar uma ajuda, desde que não seja para o boneco. yes-)

JoséMiguel
DVD Maníaco
DVD Maníaco
Posts: 2648
Joined: Tue Aug 30, 2011 9:33 pm
Location: Lisboa

Re: Cinema de Leste

Post by JoséMiguel » Sun Oct 01, 2017 3:35 am

Cigarros soviéticos

Image

Isto é só por graça, mas esta semana ofereceram-me esses dois maços de tabaco, um lights e um normal de uma marca de tabaco da antiga República Socialista Soviética da Ucrânia.

A senhora que mos trouxe é um ano mais velha do que eu, e portanto era adolescente quando ocorreu a desintegração da URSS, ela disse-me que esta marca ucraniana (julgo que se pronuncia "Prima") já vem do tempo da guerra fria. Parecendo que não, a diferença entre o tabaco soviético e o tabaco anglo-saxónico capitalista (O tabaco português "SG Gigante" e "Português Suave" é tabaco anglo-saxónico e não possui identidade portuguesa, ao contrário do Gauloise de França ou do Ducados de Espanha) foi tema importante em muitos filmes até de Hollywood, quanto mais em filmes de leste.

Image

Querem ver já um exemplo num filme de espionagem ocidental, em que esta questão surge?



No filme ocidental de espionagem "Le Serpent", o espião soviético interpretado pelo actor Yul Breyner, despede-se do director da CIA com a frase "I will miss your cigarettes", na cena final de troca de espiões numa fronteira europeia entre a NATO e a URSS.

Já em filmes de leste que eu tenho visto e mostrado no fórum, fico muito intrigado com várias diferenças entre os cigarros do lado de lá da cortina de ferro, e até cheguei a ver comentários no You Tube a clips meus, com malta intrigada com os cigarros soviéticos...

Estes dois maços que fumei (feitos agora), julgo serem da era da Perestroika dos anos 80, já com o filtro de cor normal e o papel branco, porque nos filmes antigos os cigarros já embalados tinham o filtro branco e o papel escuro, o que faz com que a malta do Ocidente fique confusa e comente os meus vídeos do You Tube, perguntando porque os russos acendiam os cigarros ao contrário.

Por acaso já tenho tirado dúvidas culturais e históricas a essa senhora ucraniana, acerca de filmes de leste que tenho visto e comentado no fórum, por exemplo um dos primeiros filmes que comentei neste mesmo tópico era acerca de uma menina sopeira num campo de lenhadores na Sibéria, recordam-se deste screenshot?

Image

Perguntei que história era essa da menina usar sobre-botas? Ou seja a actriz primeiro calça umas botas normais e depois mete essas botas dentro de umas segundas botas gigantes... O que é isto!? :roll: A minha amiga ucraniana explicou que só as velhotas da idade da avó dela usam isso, e que é considerado foleiro e arcaico, ou seja é igual ao barrete português, apenas usado como traje tradicional pelos forcados.

Essa senhora contou-me também que os agricultores ucranianos, ainda hoje, alternam uma fileira de couve ou batata, com uma fileira de folha de tabaco, porque os "velhos" dizem que alternando com folha de tabaco, "o bicho" não come as couves e poupa-se dinheiro em pesticidas. Acho esquisito não se plantar tabaco nas hortas portuguesas, pois compensaria 10 mil vezes mais o preço do Kg do tabaco em relação ao Kg da couve.

Seja como for, eu fumei este tabaco ucraniano e realmente é diferente do tabaco anglo-saxónico, mas é bastante bom e não é manhoso como o Ducados espanhol ou o Gauloise francês. Por mim está aprovado! salut-) yes-) E só custa 80 cêntimos o maço. Não sei se se estarão a aperceber, de que só em 2017, 26 anos após a desintegração da União Soviética, é que eu tive a minha primeira oportunidade de fumar um cigarro do lado de lá da cortina de ferro... :biggrin: Para um "velhadas" do tempo da guerra fria como eu, isto foi um acontecimento insólito, hehehe.

Por último, repararam que isto não foi de todo off-topic, porque meti cinema à mistura, com base no pouco que eu sei. :wink: :roll: Não fui investigar em cirílico em que data surgiu este marca de tabaco, pois não tenho teclado cirílico, espero que a minha amiga não se tenha enganado na origem soviética, mas ainda que assim fosse, a maioria do que escrevi mantém-se.

Post Reply